Resultados da pesquisa para crise

Nelson ia levar um pacote de arroz mas teve um cabaz para calar a fome
Desempregado que se recusa a pagar impostos fez mais uma acção simbólica. Supermercado respondeu com uma oferta. Nelson Arraiolos, desempregado de 41 anos, avisou com antecedência que tencionava ir nesta quarta-feira a um supermercado e que saíria sem pagar um pacote de arroz. E foi com esse objectivo que se dirigiu a um espaço comercial na Rua 1.º de Dezembro, em Lisboa. Mas acabou por receber a oferta de um cabaz de Natal.

“O Pingo Doce fez mais uma manobra de charme aproveitando uma acção
Economista alemão: Portugal pode voltar aos mercados em 2014 sem ajuda
O economista alemão Holger Schmieding, co-autor de um relatório hoje apresentado, em Bruxelas, pelo “think tank” Lisbon Council está optimista em relação ao regresso de Portugal aos mercados, em 2014, e sem necessidade de qualquer ajuda para tal.

"Portugal tem boas hipóteses de regressar aos mercados sem qualquer ajuda. Se se mantiver no caminho traçado, se aplicar as reformas até ao fim, os mercados saberão que, em caso de novas turbulências, o país pode pedir uma linha de crédito junto das
Jornal New York Times compara portugueses a... burro mirandês
O jornal norte-americano The New York Times, naquela que é a sua edição internacional, comparou os portugueses ao burro mirandês. Isto porque, de acordo com aquela publicação, esta raça retrata a situação do País: o seu papel foi essencial durante anos, mas agora está em risco de extinção e vive dependente de verbas da União Europeia.

“Não é fácil ser um burro hoje em dia”. É assim que começa o texto publicado na quinta-feira no The New York Times, que se refere à extinção do burro mirandês.
O presidente do Parlamento Europeu não tem - e diz que não quer ter - o apoio da chanceler alemã, Angela Merkel, à presidência da Comissão Europeia. É contra a austeridade e defende uma Europa próspera e mais solidária, mas não explica o caminho para lá chegar.

Martin Schulz, dirigente social-democrata alemão e actual presidente do Parlamento Europeu, é o candidato do Partido Socialista Europeu à presidência da Comissão Europeia, actualmente liderada por Durão Barroso. Falou com o i em Estra
Portugal já tem quase meio milhão de jovens que não estudam nem trabalham
Liliana Vieira, 27 anos, deixou o 10.º ano a meio. Não trabalha, nem estuda, nem frequenta qualquer acção de formação. Faz parte da geração “nem-nem” que em Portugal somava, no final de 2012, 435 mil jovens, o número mais elevado dos últimos anos, e que no fim de Setembro subiu para os 450 mil.

Têm entre 15 e 34 anos e, ao contrário do que seria de esperar, não estão na escola, mas também não conseguem entrar no mercado de trabalho. Estão, literalmente, desocupados. Em alguns casos, interrom
Movimento
Um dos rostos mais visíveis do movimento ‘Que se lixe a troika’, Ricardo Monte, considera, em declarações à rádio TSF, que os elementos das forças de segurança “tiveram um tratamento diferenciado” mas espera que, em futuros protestos, os cidadãos que queiram subir a escadaria da Assembleia da República também o possam fazer.

Ricardo Monte, membro do movimento ‘Que se lixe a troika’, considera que o facto de os elementos das várias forças de segurança terem conseguido “romper as barreiras” de
Hélder Rosalino: Cortar salários a partir de 675 euros é mais justo do que a partir de 1.500
Secretário de Estado da Administração Pública considera que o corte salarial proposto pelo Governo para 2014 é mais justo e equitativo do que o que foi proposto pelo Governo de José Sócrates. O corte de salários na Função Pública, que deve começar nos 675 euros (apesar de o Governo ter proposto que começasse nos 600 euros) “convoca com mais equidade e justiça um colectivo de trabalhadores da Função Pública”, garante Hélder Rosalino. Trata-se de “uma medida mais justa e equitativa do que a medid
César das Neves
João César das Neves defendeu, em entrevista ao Diário de Notícias, os cortes nos salários e nas pensões, sublinhando que em Portugal há muita gente que fala em nome da classe baixa mas que, na realidade, não são pobres e “querem defender o seu”. O colunista declara, também, que baixar a idade da reforma seria “suicida”.

“Uma das piores coisas que estão a acontecer em Portugal é haver uma data de gente a falar de pobres que não são pobres e que, em nome dos pobres, querem defender o seu. (…)

Notícia.net é um portal de notícias colaborativas, onde quem decide quais as notícias que serão publicadas é você. Participe adicionando notícias e votando para que as novas notícias sejam publicadas na página principal.