Americana inventa estar doente com cancro, recolhe dinheiro com doações e acaba presa
A americana Kimberlie Gustwiller, de 38 anos, foi presa em Bowling Green, no estado do Kentucky (EUA), após mentir ter câncer e embolsar o dinheiro de doações que havia recebido para tratar a doença, segundo a emissora de TV "ABC".

De acordo com a polícia, a mulher alegou que o câncer estava em estado avançando. Preocupados, amigos, familiares e mesmo empresas locais ajudaram a arrecadar dinheiro para que ela pudesse tratar a doença.

A farsa veio à tona depois que a polícia descobriu que ela nunca tinha sido diagnosticada ou tratada para qualquer tipo de câncer. Ela foi levada para a cadeia do condado de Wood com uma fiança fixada em US$ 1.500.


Quem votou nesta notícia



Recomendado para si
Gostou desta notícia?