Estado Islâmico anuncia morte de comandante português
O Estado Islâmico está a anunciar a morte de um jihadista português. Dava pelo nome de guerra de Abu Juwairiya al-Portughali estaria entre os comandantes da organização. Era conhecido por "O Português". A informação foi avançada pelo correspondente do jornal kuwaitiano Al Rai, Elijah J. Magnier, na sua conta no Twitter.

Contactado pela revista SÁBADO, o repórter explica que a informação foi partilhada por um jihadista que passou algum tempo detido com o português na Turquia. Abu Juwairiya al-Portughali terá sido um dos 180 jihadistas libertados em Setembro do ano passado em troca dos cerca de 50 reféns feitos no consulado de Ancara em Mossul. "Ele era temido até na prisão. Os prisioneiros não fumavam à sua frente porque fumar é proibido no EI", revelou o jihadista na rede social. Aos guardas turcos, acusava-os de serem apóstatas: "Como é que se dizem muçulmanos se não rezam?" Segundo o jornalista, o português terá sido morto na Síria.


É a primeira vez que o nome Abu Juwairiya al-Portughali aparece referenciado publicamente. Até agora, foram reveladas as identidades de Nero Saraiva, Fábio Poças (AbduRahman Al Andalus), Celso Rodrigues da Costa (Abu Issa Al Andalusi), Edgar Rodrigues da Costa (Abu Zakaria Al Andalusi), Sandro Monteiro, Steve Duarte (Abu Muhajir Al Andalous), Mickael Batista (Omar Al-Fransi), Mickaël dos Santos (Abou Uthman), Joni Parente (Abu Usama al-Firansi), Ângela B. e Dylan Omar (Omar Khattab).


Quem votou nesta notícia



Recomendado para si
Gostou desta notícia?