Governo admite pagar a quem deixar de fumar
A possibilidade dos fumadores receberem de volta o dinheiro que gastaram nos medicamentos utilizados para deixar de fumar é uma das hipóteses em estudo, segundo revela Fernando Leal da Costa, secretário de Estado adjunto do ministro da Saúde, em declarações ao jornal "Público" desta quinta-feira.

A nova medida pretenderá ir além da comparticipação de uma parte do dinheiro gasto, desde que se esteja perante um não fumador devidamente comprovado ao fim de um certo período de tempo.

A ideia é lançada no momento em que a Direção-Geral de Saúde lança uma campanha para alertar para os efeitos nefastos do "fumo passivo", e leva em conta o facto dos medicamentos muitas vezes não resolverem em definitivo a situação. Por outro lado, é provável que os cigarros eletrónicos venham a ser regulamentados, já que a crescente utilização destes preocupa os responsáveis pelas políticas de saúde.


Quem votou nesta notícia



Recomendado para si
Gostou desta notícia?