Juíza é destituída do cargo por fazer ginástica nua no local de trabalho
Uma juíza de Sarajevo (Bósnia) foi destituída do cargo após ser apanhada a fazer exercício físico e banhos de sol nua numa sala da Supremo Tribunal, onde exercia. Fotos documentando o caso espanharam-se já pelas redes sociais na web.

De acordo com o "Daily Mail", a magistrada chegava ao tribunal todos os dias às 8h, quando o prédio estava praticamente vazio. Aproveitava então a pouco movimentação para se exercitar como veio ao mundo. Acabou descoberta por um funcionário, que fez as fotos de um prédio contiguo.

Em sua defesa, a juíza argumentou que tem direito a exercícios antes de começar o árduo expediente no tribunal.

"O comportamento da juíza sénior não é aceitável", lê-se no relatório de destituição.


Quem votou nesta notícia



Recomendado para si
Gostou desta notícia?